Menu

Interrupção de Viagem

Imagine ter sua viagem interrompida sem ser de sua escolha? Já pensou no prejuízo? É para evitar que isto aconteça que existe a cobertura de Interrupção de Viagem da Assist Trip.

Como funciona?

Com a cobertura para Interrupção de Viagem, a pessoa que tiver contratado o seguro viagem tem a garantia de que será indenizada caso precise interromper a viagem por consequência de uma situação não programada, que impede de dar continuidade ao passeio.

Caso aconteça alguma das situações listadas abaixo, o viajante recebe o pagamento da indenização das despesas que são não reembolsáveis, como passagens, aluguéis de veículos, hospedagem serviços ou ingressos em geral, desde que estejam dentro do valor máximo que deve ser pago pela seguradora.

O cálculo das despesas será feito segundo as regras dos fornecedores, respeitando os valores de taxas de cancelamento e remarcação. Já no caso de despesas com hospedagem, que não permite nenhum reembolso, o valor pago será dividido pelo número de dias da viagem e multiplicado pelo número de dias em que o viajante não utilizou o serviço.

A cobertura pode ser acionada nas seguintes situações:

  • Falecimento, por causa natural ou acidental, doença ou acidente pessoal que não permita, por determinação médica, o início da viagem:
    • Da pessoa que contratou o seguro ou de familiar de primeiro, segundo e terceiro graus de parentesco;
    • De pessoa designada para custódia de menores ou incapacitados dependentes à pessoa que contratou o seguro;
    • De substituto profissional da pessoa que contratou o seguro, desde que a situação lhe impeça a realização da viagem por exigência da empresa da qual é funcionário.
  • Atendimento a convocação judicial não adiável;
  • Convocação como parte ou testemunha de tribunal ou como membro do júri;
  • Danos graves ocasionados por incêndio, explosão, queda de raio, roubo, alagamento ou vendaval na residência da pessoa que tiver o seguro ou na empresa onde seja sócio e sua presença seja necessária;
  • Demissão profissional e involuntária da pessoa que tiver o seguro;
  • Necessidade de repouso da pessoa que contratar o seguro ou de seu cônjuge, por prescrição médica, decorrente de gravidez em risco;
  • Admissão a um novo emprego ou prorrogação de contrato de trabalho, cujo novo período inclua aquele previamente agendado para a viagem;
  • Ato de alguma das empresas contratadas ou fornecedoras dos serviços e atrações da viagem que impeça a pessoa de realizar sua viagem da maneira planejada, incluindo falência ou concordata de fornecedores, agências e operadoras;
  • Cancelamento de período aquisitivo de férias da pessoa que contratou o seguro, determinado por correspondência emitida pela empresa, com motivo justificado;
  • Convocação da pessoa que tiver o seguro para apresentação em local de prova de concurso público ou nomeação para cargo concursado;
  • Convocação pela Justiça Eleitoral como membro do serviço eleitoral, a ser cumprida em data que faça parte do período da viagem;
  • Roubo de documentos e/ou bagagem;
  • Negativa de concessão de visto de entrada para o país de destino da viagem, quando o referido visto for emitido por aquele país.
  • Não admissão do viajante portador de visto emitido no Brasil, mediante notificação de recusa emitida pelo país de destino da viagem;
  • Avaria ou acidente ocorrido com o veículo de propriedade da pessoa que tiver o seguro ou de seu cônjuge;
  • Traslado involuntário do local de trabalho da pessoa que possui o seguro, cujo deslocamento seja superior a 3 (três) meses e impeça o início da viagem;
  • Chamada inesperada para intervenção cirúrgica, cuja realização exija preparo ou impeça o início da viagem na data prevista;
  • Cancelamento de cerimônia matrimonial da pessoa que contratar o seguro, com motivo justificado;
  • Separação ou divórcio da pessoa que tiver o seguro viagem;
  • Aborto ou complicações decorrentes de aborto;
  • Alteração de data ou cancelamento de reunião de trabalho da pessoa que contratar o seguro, por motivo justificado e documentado;
  • Cancelamento da viagem de pessoa que iria acompanhar o Segurado em decorrência de uma das causas relacionadas nesta cobertura;
  • Reprovação escolar de quem contratou o seguro viagem ou parente de primeiro grau;
  • Mudança de data de provas, trabalhos ou apresentações escolares devido à greve do estabelecimento de ensino ou motivo de força maior que impossibilitou o viajante segurado de comparecer na data inicial.

O que a cobertura não cobre:

  • Tratamentos estéticos, check-ups, contraindicações de viagens anteriores à contratação da viagem segurada, vacinações, impossibilidade de realizar tratamentos médicos planejados no destino da viagem e interrupção voluntária da gravidez;
  • A não apresentação, por qualquer motivo, dos documentos indispensáveis em toda viagem, tais como passaporte, visto, notas, carnês ou certidões de vacinação;
  • Despesas que não sejam diretamente impostas pelas empresas aéreas, de hotelaria, turismo e demais fornecedores dos serviços da viagem segurada.
  • Eventos que mesmo que atrapalhem ou impeçam alguma programação da viagem, não provoquem interrupção, ou seja, não provoquem o retorno antecipado da pessoa tiver o seguro.